Tiroteio deixa mortos e feridos, na Pensilvânia, EUA

Um tiroteio perto de uma sinagoga foi relatado pela polícia de Pittsburgh, na Pensilvânia (EUA), na manhã deste sábado (27), informa a agência Associated Press.




As autoridades falam em “várias” vítimas. Pelo menos três oficiais foram baleados no ataque, segundo a agência. Um suspeito foi preso.

Polícia na área da sinagoga Tree of Life, em Pittsburgh, onde um tiroteio foi relatado na manhã deste sábado — Foto: Pam Panchak/Pittsburgh Post-Gazette via AP

Polícia na área da sinagoga Tree of Life, em Pittsburgh, onde um tiroteio foi relatado na manhã deste sábado — Foto: Pam Panchak/Pittsburgh Post-Gazette via AP




O governador da Pensilvânia, Tom Wolf, disse no Twitter que detalhes sobre o caso ainda estão sendo apurados. “É uma situação séria”, escreveu. “Por favor, fique longe da área e mantenha os congregantes e a polícia em suas orações.”

O presidente Donald Trump também tuitou sobre o episódio. “As pessoas em Squirrel Hill devem permanecer protegidas. Parece que há várias fatalidades. Cuidado com o atirador. Deus abençoe todos.”




O comandante Jason Lando disse a repórteres que a troca de tiros ocorreu perto da sinagoga Tree of Life, no bairro de Squirrel Hill, no leste da cidade.

Ele recomendou que as pessoas se abriguem e relatem qualquer atividade incomum no local. “Não saia da sua casa agora, não é seguro”, afirmou, segundo a Reuters.

Imagens da TV local mostraram a polícia na área com rifles e usando capacetes e outros equipamentos táticos. Os paramédicos também aparecem estacionados perto da sinagoga. Viaturas bloquearam algumas ruas da região.

A sinagoga está localizada na intersecção das avenidas Wilkins e Shady. O bairro residencial de Squirrel Hill fica a cerca de 10 minutos do centro de Pittsburgh e é o centro da comunidade judaica da cidade.

Fonte: Portal G1