PM de Rondônia é uma das Menos Corruptas do Brasil, diz Datafolha

operacao-PM-Garra-FOTO-PM-1

Foto: DECOM/PM-RO

O Datafolha informou que foram ouvidas 78 mil pessoas nos 26 estados e no Distrito Federal. A pesquisa questionava se as vítimas já foram vítimas de extorsão por parte da Polícia Militar.

Um levantamento realizado pelo Datafolha e pelo Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança Pública (Crisp), a pedido do Ministério da Justiça e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, mostrou que Rondônia é um dos Estados brasileiros com menores índices de corrupção na Polícia Militar.

De acordo com a Pesquisa Nacional de Vitimização, publicada no Jornal Extra, a polícia rondoniense está entre as três policias menos corruptas do país, entre as três estão também Acre e Roraima que completam a lista das polícias menos corruptas do Brasil. Apenas 0,19% das pessoas sofrerão com algum tipo de extorsão policial em Rondônia.

Na outra ponta do ranking, com os maiores índices de corrupção policial, está o Rio de Janeiro, com 30,23%, seguido por São Paulo, com 18,22%, Pará, 6,49%, Pernambuco, com 6,05%, e Bahia, que tem 5,08%.

Segundo a pesquisa, o Rio tem mais vítimas de extorsão do que todos os demais estados da Região Sudeste somados, inclusive São Paulo, que tem a maior população e a maior corporação militar do país.

Perfil das vítimas

O levantamento apontou que 2,6% das pessoas ouvidas em todo o país responderam terem sido vítimas de extorsão policial. Segundo a pesquisa, cresce a probabilidade de uma pessoa ser alvo da PM ao analisar o perfil do extorquido. A maioria das vítimas é homem (79,8%) e tem a cor branca (42,4%).

Segundo a Pesquisa Nacional de Vitimização, os pós-graduados têm nove vezes mais probabilidade de sofrer extorsão. Entre as vítimas, 59% delas têm escolaridade acima do ensino médio. Quem ganha mais de R$ 13.560 tem 5,8 mais chances do que aqueles que ganham até R$ 678.

Já por faixa etária, o grupo entre 25 e 34 anos é a maior vítima, representando 36,4% dos entrevistados.

Metodologia

O Datafolha informou que foram ouvidas 78 mil pessoas nos 26 estados e no Distrito Federal. A pesquisa questionava se as vítimas já foram vítimas de extorsão por parte da Polícia Militar.

De acordo com o Ministério da Justiça, a pesquisa busca captar ocorrências de eventos criminais na população, para compará-los com dados oficiais registrados pelas polícias, classificando de acordo com a localidade, estrato social, cor da pele, idade, sexo e renda.

Ranking da extorsão policial por Estado

Rio de Janeiro: 30,23%
São Paulo: 18,22%
Pará: 6,49%
Pernambuco: 6,05%
Bahia: 5,08%
Goiás: 4,34%
Paraná: 4,15%
Minas Gerais: 4,10%
Amazonas: 3,07%
Ceará: 2,54%
Rio Grande do Norte: 2,34%
Alagoas: 1,85%
Maranhão: 1,66%
Mato Grosso: 1,56%
Rio Grande do Sul: 1,27%
Santa Catarina: 1,27%
Espírito Santo: 1,07%
Paraíba: 1,07%
Amapá: 0,78%
Distrito Federal: 0,78%
Mato Grosso do Sul: 0,58%
Piauí: 0,58%
Sergipe: 0,48%
Tocantins: 0,19%
Rondônia: 0,19%
Acre: 0,04%
Roraima: 0,04%
Fonte: Datafolha/2013

Da PM Rondônia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *