Noivos casam em praça após cozinha de salão pegar fogo, em SP

Após voltar da lua de mel, um casal de Araraquara (SP) relembrou nesta semana como foi casar em uma praça da cidade após a cozinha do salão de festas pegar fogo. O Corpo de Bombeiros foi acionado e decretou o fim da festa devido ao excesso de fumaça, e uma das madrinhas sugeriu que os noivos e mais de 300 convidados utilizassem o espaço público para a cerimônia.

Deraldo Santos e Tatiane Câmara visitam a praça onde foi realizada a cerimônia (Foto: Wilson Aiello/EPTV)
Deraldo Santos e Tatiane Câmara visitam a praça onde se casaram (Foto: Wilson Aiello/EPTV)

Deraldo Santos, de 30 anos, e Tatiane Câmara, de 29, toparam o desafio. A praça dos Advogados, na Vila Harmonia, virou um salão de festas ao ar livre. Os convidados andaram 15 minutos e ajudaram a levar parte decoração que sobrou do incêndio.

“Foi uma força-tarefa. De dois em dois fomos pegando tudo e colocando nos carros. Os arranjos, suporte, alguns refletores, flores, os docinhos, tapete”, contou um dos padrinhos dos noivos, Eliel Tibúrcio.

Na companhia dos amigos e parentes, o casamento foi um sucesso. “Parecia que a gente tinha combinado de fazer a festa na praça. Os convidados se emocionaram, gostaram da festa”, relembrou Deraldo.

Mesmo com a mudança, cerimônia foi marcada por emoção e alegria (Foto: Reprodução/EPTV)
Mesmo com a mudança, cerimônia foi marcada por emoção e alegria (Foto: Reprodução/EPTV)

“Ficou lindo, a rua é bem movimentada, então chamou a atenção. Acho que isso vai ficar na história da cidade”, relatou Rose Alves, amiga do casal.

Incidente
Planejado há um ano, o casamento seria realizado em uma chácara. Mas, poucos minutos antes da cerimônia, marcada para começar às 20h, o lacre do botijão de gás estourou e a cozinha do local da festa começou a pegar fogo. “Eu escutei o barulho, depois vi a fumaça saindo do salão e a turma gritando: ‘Está pegando fogo’”, contou o noivo.

Enquanto isso, a noiva estava ansiosa no salão de beleza com as amigas e não sabia o que tinha acontecido. “A gente ficou enrolando ela até o noivo chegar, com medo de ela passar mal”, contou a fotógrafa Tatiane Stain.

Deraldo foi ao local e contou a Tatiane o que tinha acontecido. “Falei: ‘Amor, tenho uma notícia triste, mas preciso que você seja forte’”, relembrou. Ele então relatou tudo o que tinha acontecido, que ninguém tinha se ferido e disse que os convidados estavam à espera do casal na praça. Para os dois, a cerimônia improvisada foi melhor do que o evento planejado durante o ano.

Casal de Araraquara (Foto: Reprodução/EPTV)
Para casal, cerimônia improvisada foi melhor do que o evento planejado (Foto: Reprodução/EPTV)
Do Portal G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *