Mulher frequenta cemitérios diariamente há 14 anos, no CE

Antônia Lima de Sousa vive perambulando pelas ruas dos cemitérios de Fortaleza. Ela tem 52 anos e seu grande desejo é viver dentro de um cemitério, mas viva. Ela gosta tanto deste ambiente que o frequenta diariamente. “Eu sou amiga dos mortos e tenho como ajudar os mortos. Eu tenho um chamado para viver dentro de cemitério”, declara.

Ela diz que quando não vai ao cemitérios, os mortos vão até à sua casa. (FOTO: reprodução/ TV Jangadeiro)

Ela diz que quando não vai ao cemitérios, os mortos vão até à sua casa. (FOTO: reprodução/ TV Jangadeiro)

Há 14 anos ela repete a prática de visitar cemitérios. Segundo ela, vai para conversar e resolver os problemas dos mortos. A mulher já chegou a dormir dentro de um cemitério por três meses e afirma que conhece todos os mortos. “O cemitério tem silêncio, isso me satisfaz”, explica.

De acordo com Antônia, quando ela não vai ao cemitério, os mortos vão até à sua casa pedir ajuda e orações.

Veja o vídeo:

[yframe url=’https://www.youtube.com/watch?v=kLTJ_ZCG-xc’]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *