Motorista invade ginásio com caminhonete e mata ex-jogador de vôlei, no PR

O ex-jogador de vôlei e secretário de esportes de Assis Chateaubriand, no oeste do Paraná, Elder Coutinho, de 29 anos, morreu após ser atingido por uma caminhonete que invadiu um ginásio do município por volta das 8h desta quinta-feira (5).




Coutinho chegava ao local para uma reunião na secretaria, que fica no ginásio. Segundo a Polícia Militar, ele estava do lado de fora quando foi atingido. Câmeras de segurança mostram o veículo instantes antes da invasão. O ex-atleta teve traumatismo craniano, foi socorrido e morreu ao chegar ao hospital.

Logo após o acidente, o motorista da caminhonete deixou o local. Ele se apresentou ainda pela manhã para prestar esclarecimentos à polícia. Ele foi preso em flagrante por suspeita de homicídio qualificado.

Caminhonete invadiu ginásio de esportes de Assis Chateaubriand na manhã desta quinta-feira (5) (Foto: Aline Alves/Arquivo Pessoal)

Caminhonete invadiu ginásio de esportes de Assis Chateaubriand na manhã desta quinta-feira (5) (Foto: Aline Alves/Arquivo Pessoal)




A PM informou ainda que o motorista da caminhonete perdeu o controle da direção em uma rotatória e, ao invés de frear, acelerou o veículo, que invadiu o ginásio.

Dois adolescentes, que aguardavam nas arquibancadas para um treino de futsal marcado para as 8h30, também foram atingidos. Eles sofreram ferimentos leves, foram levados ao hospital e liberados em seguida.

O secretário foi levantador do Maringá Vôlei de 2015 a 2017 e ainda passou por equipes como Rexona, Banespa Santander, Santo André, Florianópolis, Bento Vôlei e outros times do cenário nacional.

Ele havia renovado contrato para disputar a Superliga de Vôlei 2018 pelo Maringá, mas desistiu para assumir a secretaria em Assis Chateanbriand em julho de 2017.

O prefeito João Aparecido Pegoraro decretou luto oficial de três dias no município a partir desta quinta. As atividades administrativas devem ser retomadas normalmente na segunda-feira (9).

Secretário de Esportes de Assis Chautebriand morreu após ser atingido por caminhonete (Foto: Aline Alves/Arquivo Pessoal)

Secretário de Esportes de Assis Chautebriand morreu após ser atingido por caminhonete (Foto: Aline Alves/Arquivo Pessoal)




Elder Coutinho era secretário de Esportes de Assis Chateaubriand (Foto: Prefeitura de Assis Chateaubriand/Divulgação)

Elder Coutinho era secretário de Esportes de Assis Chateaubriand (Foto: Prefeitura de Assis Chateaubriand/Divulgação)

Ex-jogador foi morto por ciúmes, diz delegado

O ex-jogador foi morto por ciúmes, segundo o delegado Thiago Teixeira da Silva, responsável pelo caso. “Com base nas testemunhas que ouvimos, concluímos que o crime foi passional, por ciúmes. Em depoimento, a esposa do autor disse que teve um relacionamento extraconjugal com a vítima [o ex-jogador] e que o marido descobriu o caso na terça-feira”, comentou Silva.

O motorista do veículo, Gilvane Bazanella Lulu, de 34 anos, foi preso em flagrante suspeito de homicídio qualificado ainda na quinta, depois de se apresentar à polícia. Na sexta-feira (9), ele teve a prisão preventiva decretada.




No primeiro depoimento, ainda pela manhã, ele afirmou que perdeu o controle da direção do veículo. À tarde, em novo depoimento, ele ficou calado. Ele voltou a se manter em silêncio na audiência de custódia, na sexta.

Desde quinta-feira, quatro testemunhas foram ouvidas pela polícia. Outras três devem ser ouvidas nesta segunda-feira (9). A previsão é que o inquérito seja concluído e encaminhado ao Ministério Público Estadual (MP-PR) até sexta-feira (13). O advogado do motorista preso, Hélio Lulu, disse que só deve se manifestar sobre o caso no processo.

Por G1 PR e RPC Cascavel