Empresário é morto em casa durante roubo, em Ariquemes,RO

O empresário Mateus dos Santos Silva, de 32 anos, morreu após ser atingido por um tiro durante uma tentativa de roubo na residência onde morava, no Setor 3, em Ariquemes (RO), no Vale do Jamari, no último domingo (10). Segundo a PM, a vítima estava na varanda e tentou correr para dentro da casa no momento em que o suspeito anunciou o assalto, sendo atingida por um tiro na região do abdômen.




A vítima foi socorrida com vida até o Hospital Regional, mas não resistiu aos ferimentos horas depois na sala do Pronto Socorro da unidade.

De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais foram solicitados a comparecerem na residência, pois havia acontecido um roubo e uma vítima teria sido baleada pelo infrator. Na localidade, a namorada do empresário relatou que o casal estava na varanda da casa, quando o suspeito invadiu o local e na posse de uma arma de fogo anunciou o assalto.

A jovem de 25 anos contou à PM que o suspeito ordenou ao casal que ficasse quieto durante a ação, mas o empresário tentou correr para dentro da casa , neste momento o suspeito efetuou um disparo na direção da vítima, que foi atingida na região do abdômen, e fugiu do local sem levar nada.




Mateus foi socorrido por vizinhos e o encaminharam até o Hospital Regional de Ariquemes. A vítima deu entrada no centro cirúrgico, mas não resistiu aos ferimentos horas depois na sala do Pronto Socorro. A vítima está sendo velada na Capela Ecumênica do município e o sepultamento acontece na tarde desta segunda-feira (11).

Novo caso

Minutos após a tentativa do roubo na residência, um estabelecimento comercial localizado na Avenida Quatro Cachoeira, Setor 3, também foi alvo de um assalto. Ao G1, a proprietária do estabelecimento, que preferiu não se identificar, disse que o marido e um amigo estavam no local.

“Ele chegou pela beirada da porta de entrada, sacou a arma, anunciou o assalto e disse para o meu marido e o colega dele ficarem abaixados entre os congeladores. A todo o momento, o suspeito dizia que queria dinheiro, e então o meu marido disse onde estava, e após ele subtrair o que havia no caixa, ele fugiu do local com a moto do colega do meu esposo”, comenta a comerciante.

Foto: Arquivo Pessoal/Montagem Obr Notícias




Os casos foram registrados na Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) de Ariquemes e a Polícia Civil investiga se há relação entre as duas ocorrências.

Por Jeferson Carlos, G1 Ariquemes e Vale do Jamari