Argentina se complica na Copa, França avança às oitavas e Peru é eliminado

Que sufoco! No 8º dia da Copa, a Croácia se classificou para as oitavas depois de passar por cima da Argentina e deixar os hermanos em situação complicada. O 3 a 0 teve vacilo do goleiro Caballero e Messi apagado. A França também se garantiu para a próxima fase e eliminou o Peru.

Na partida de Dinamarca e Austrália, ele de novo: o árbitro de vídeo foi decisivo para o empate. E a contagem das horas para o retorno do Brasil aos campos. Na partida contra a Costa Rica, o lateral Danilo vai ficar de fora e Neymar está garantido. Além da Copa, também foi notícia no G1: a prisão de um ex-secretário de Alckmin e o superfaturamento no Rodonoanel, a decisão unânime do STF que libera sátiras durante as eleições e o casaco polêmico da primeira-dama dos EUA em meio à crise migratória.

Caballero (Foto: REUTERS/Ivan Alvarado)

Caballero (Foto: REUTERS/Ivan Alvarado)

Messi apagado

A Croácia aproveitou a pressão sobre Lionel Messi e triunfou por 3 a 0 em cima da Argentina. Rebic abriu o placar depois de uma falha grosseira do goleiro Caballero, que deu toque errado para o atacante croata. No restante da partida, Messi sumiu e teve uma atuação sem nenhuma finalização, o que ajudou na classificação croata para as oitavas.

Messi em Argentina x Croácia (Foto: REUTERS/Matthew Childs)Messi em Argentina x Croácia (Foto: REUTERS/Matthew Childs)

Messi em Argentina x Croácia (Foto: REUTERS/Matthew Childs)

França garantida

Quem também passou de fase foram os franceses, que ganharam por 1 a 0 e eliminaram o Peru. Mbappé marcou o único gol da partida no 1º tempo após erro de Guerrero, que perdeu uma bola e ajudou a equipe da França.

Gol de Mbappé para a França diante do Peru (Foto: REUTERS/Jason Cairnduff)

Gol de Mbappé para a França diante do Peru (Foto: REUTERS/Jason Cairnduff)

Olho no lance

O árbitro de vídeo voltou a entrar em ação, e de novo encurralou a Dinamarca. O VAR marcou segundo pênalti contra os dinamarqueses na Copa — e do mesmo jogador. A atuação do juiz ajudou no empate por 1 a 1. Com o resultado, ficou tudo igual também na classificação, e ninguém se garantiu. Para a Austrália passar, é preciso vencer o Peru e torcer por uma derrota da Dinamarca para o Peru.

Mile Jedinak e Trent Sainsbury em ação pelo time da Austrália, (Foto: REUTERS/David Gray)

Mile Jedinak e Trent Sainsbury em ação pelo time da Austrália, (Foto: REUTERS/David Gray)

É amanhã!

A Seleção de Tite volta a campo amanhã já no primeiro jogo do dia. O time brasileiro vai enfrentar a Costa Rica sob pressão, depois do empate com a Suíça. O lateral Danilo será poupado, depois de uma lesão, e será substituído por Fágner. Thiago Silva será o capitão, e Neymar está escalado.

Tite e Neymar (Foto: REUTERS/Anton Vaganov)

Tite e Neymar (Foto: REUTERS/Anton Vaganov)

Tá bom 👍

Se a Argentina não conseguir se salvar e for eliminada na primeira fase, vai restar aos brasileiros torcer para que um bom presságio se confirme. Os hermanos deram tchau ao mundial ainda na fase de grupos apenas em três oportunidades: 1958, 1962 e 2002. Nesses três anos, quem levou a Copa foi o Brasil.

Tá russo 👎

Com pouca representatividade na linha de frente na Rússia, repórteres mulheres relatam os desafios na cobertura da Copa. As jornalistas enfrentam machismo e preconceito, e uma repórter denunciou assédio: ‘ser mulher parece motivo de graça’. Leia o relato aqui.

Por G1