Albergado vai com motoneta roubada até fórum e é preso, em Ariquemes,RO

Fórum Ariquemes (Foto: Jonatas Boni/ G1)

Suspeito foi preso em frente ao Fórum Dr. Aluízio Sá Peixoto (Foto: Jonatas Boni/ G1)

Um jovem de 19 anos foi preso na manhã desta terça-feira (11) em posse de uma motoneta com restrição de roubo em frente ao Fórum Dr. Aluízio Sá Peixoto, localizado na Avenida Tancredo Neves, em Ariquemes(RO), no Vale do Jamari. De acordo com a Polícia Militar (PM), o suspeito cumpre pena no regime semiaberto pelo crime de roubo e teria ido ao fórum para uma audiência de diminuição da sentença cumprida.

Conforme o boletim de ocorrência, um primo da vítima que teve o veículo roubado passava pelo local, avistou a motoneta e acionou a polícia, que foi ao encontro do suspeito. O jovem estava no interior do fórum em uma audiência, quando foi abordado pelos policiais e disse estar na posse da moto. Ao apresentar os documentos do veículo, os militares constataram que a moto havia sido roubada há poucos dias no município.

O detento do regime semiaberto cumpria pena na Casa do Albergado. Ele utilizava tornozeleira eletrônica, o qual monitorava o seu percurso durante o dia e à noite retornava ao albergue.

O suspeito foi encaminhado até a Delegacia de Polícia Civil de Ariquemes. No local, três vítimas de roubos ocorridos recentemente reconheceram o jovem por ter participado nas ações criminosas.

A proprietária da motoneta relatou que o roubo aconteceu na última quarta-feira (6), quando estava na frente de sua residência e foi abordada por dois homens armados. “Eles chegaram, anunciaram o assalto e mandaram todos entrar para o interior da casa. Lá dentro eles desferiram alguns chutes em busca de dinheiro e levaram a moto, na hora fiquei com muito medo, mas graças a Deus não aconteceu nada e hoje encontraram o veículo”, comenta.

Após prestar esclarecimentos ao delegado de plantão, o jovem foi conduzido até a Casa de Detenção de Ariquemes (CDA), onde ficará a disposição da Justiça.

Do G1 em Ariquemes e Vale do Jamari

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *