50% dos jovens que querem fazer faculdade dependem do governo

Mais de 50% dos jovens que pretendem cursar o nível superior não têm condições de pagar uma faculdade particular e dependem de programas do governo federal. A maioria é proveniente de escolas públicas e acredita que possui menos chances de concorrer a uma vaga nas universidades públicas. Os dados fazem parte de uma pesquisa feita pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES) divulgada nesta quarta-feira (20).

Foram ouvidos 1.000 jovens de 18 a 30 anos, com ensino médio completo, de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Florianópolis, Salvador, Fortaleza, Manaus, Recife e Belém.

Segundo o estudo, 81% dos jovens entrevistados pretendem cursar o nível superior dentro dos próximos três anos. Embora sonhem com o diploma, mais da metade deles, 50,5%, afirmou que a família não tem condições de pagar uma faculdade particular.

Dentro deste grupo que pretende cursar uma graduação, 57,9% dos jovens esperam contar com o Programa Universidade para Todos (Prouni) e 50,3%, com o Financiamento Estudantil (Fies).

A maioria destes estudantes, 71,9%, cursou o ensino médio em escolas públicas e 62,9% deles acreditam que os estudantes de escolas públicas não têm as mesmas condições que os alunos das particulares para ter acesso às universidades públicas.

A pesquisa mostrou que o sonho do nível superior ainda está vinculado aos diplomas mais tradicionais. Em uma listagem de 20 cursos, a faculdade mais desejada é a de medicina (12,7% dos entrevistados), seguida por direito (11,1%) e engenharia (10,9%) em terceiro lugar. Também são bem visados os cursos de administração (6,6%), enfermagem (4,9%) e psicologia (4,2%).

Apenas 15,1% responderam que desejam fazer algum curso na área de licenciatura.

Do Portal G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *